PROGRAMA DE EDUCAÇÃO FISCAL DE SANTA CATARINA

Educação Fiscal da SEF/SC ganha atividade no 18º Acampamento Regional dos Escoteiros de SC

Educação Fiscal da SEF/SC ganha atividade no 18º Acampamento Regional dos Escoteiros de SC

Publicado em: Mon Oct 16 00:00:00 BRST 2017

Membros do Programa de Educação Fiscal da Secretaria de Estado Fazenda participaram entre os dias 12 a 15 de outubro, na cidade de Rio Negrinho, do 18º Acampamento Regional de Escoteiros de Santa Catarina, ARSC. Cerca de 3.200 pessoas do movimento escoteiro estiveram na Fazenda Evaristo, transformando o local numa pequena cidade.

A abertura ocorreu na manhã do dia 12 de outubro, num ritmo muito animado. O presidente dos escoteiros de Santa Catarina, Celso Menezes, durante a cerimônia, lembrou que o ARSC é o maior evento de âmbito regional realizado no Brasil. Já o prefeito de Rio Negrinho, Júlio César Ronconi, que foi escoteiro na cidade, agradeceu a oportunidade de estar sediando mais um evento escoteiro, já que esta é a segunda vez que o ARSC é realizado na cidade.

Os mais de 3.200 participantes do ARSC representam 95 grupos escoteiros de sete estados brasileiros, além de Santa Catarina, com destaque para representantes do Peru e da França. O tema do 18º ARSC foi “Nossas Origens” e as atividades envolvem as culturas das diferentes regiões do estado, sempre com muita emoção e adrenalina, além do diferencial do método escoteiro.

Atividade Nova

Após a assinatura do Acordo de Cooperação Técnica entre o Programa de Educação Fiscal e a União dos Escoteiros do Brasil – Seccional de Santa Catarina (em maio de 2017), foi pensada a primeira atividade. Depois dos primeiros encontros, viu-se que o 18º Acampamento Regional de Santa Catarina (ARSC), seria a oportunidade ideal. A faixa etária seria com os jovens entre 07 a 21 anos de idade (ramos Lobinhos, Escoteiros, Sênior e Pioneiros).

As atividades realizadas abordaram temas da Educação Fiscal, Cidadania, Pirataria, Combate ao Trabalho Infantil, entre outros. Para atender ao grande público participante, foram organizadas turmas conforme os ramos. As palestras apresentadas tiveram participações ativas dos jovens e adultos (chefes). Ao final foram entregues materiais didáticos como complemento de toda a exposição apresentada.

Na caderneta “Guia do Participante” constava a atividade com a seguinte proposta: “Todos somos responsáveis por fazer do mundo em que vivemos um lugar melhor. Ser ético, honesto e responsável é um compromisso de todo o escoteiro. Faça uma visita ao estante da Secretaria de Estado da Fazenda e participe ativamente das atividades de Educação Fiscal ali propostas”. Em média foram realizadas entre 25 a 30 palestras com grupo entre 15 a 30 jovens. Especialmente no dia 14 aconteceu o 8º Fórum Regional Pioneiro, com a participação de aproximadamente 200 jovens entre 17 e 21 anos. Foi realizada uma palestra com temas de Educação Fiscal e que teve resposta propositiva dos presentes.